EMPREENDER POR TALENTO OU POR NECESSIDADE?



De antemão, entenda que nem todas as pessoas nascem com “espírito empreendedor”, porém, a maioria delas possui uma pontinha de vontade de ter o seu próprio negócio, o que é muito bom, principalmente para o momento econômico que o país vive.

Mas, o fato de sentir vontade em ser um empreendedor não basta, é preciso muito mais que isso.

A capacidade de gerenciar não é uma característica fácil de encontrar nas pessoas, pelo contrário, gerenciar e liderar são papéis para uma pequena parcela de pessoas que possuem outras características singulares e extraordinárias para o mundo dos negócios.

A maior dúvida de algumas pessoas é em saber se aquelas que são empreendedoras e conquistaram o sucesso no que faz, arriscaram porque tinham um talento somado a algumas das características extraordinárias mencionada acima, ou se arriscaram em empreender por pura e simples necessidade.

Independente do que essas pessoas de referência no meio empresarial ofereçam como motivação para outras pessoas, é extremamente importante saber o que é preciso para empreender, se realmente só o talento conta, ou se a necessidade consegue fazer com que qualquer pessoa seja um empreendedor de sucesso.

Para esclarecer essas e outras dúvidas, veja algumas características que um empreendedor deve ter para somar à sua carreira profissional.


Identifique oportunidades

O empreendedor tem que ser capaz de visualizar as oportunidades de negócio e saber o momento certo para tomar a iniciativa de arriscar naquilo que está visando.

Mesmo em momentos de dificuldade e problemas, o empreendedor deve saber manter a calma, enxergar tudo como oportunidade de melhoria, criar soluções ágeis, inovadoras e que consigam somar ao que a empresa tem como visão.

Por talento ou necessidade, a pessoa que optar por empreender deve ter uma visão sistêmica e ver de longe todas as oportunidades que indicam crescimento e evolução.


Crie metas e analise resultados

Para manter o negócio em perfeita harmonia, é preciso ficar atento aos acontecimentos. Fazendo uma análise desses acontecimentos, é possível definir metas para conquistar novos resultados.

As metas servem para planejar o caminho que a empresa pretende seguir até chegar ao seu destino final (objetivo). O empreendedor deve ter em mente que a junção dessas práticas é o que mantém o equilíbrio dos negócios de uma empresa.


Mantenha-se atualizado

Pode ser que algumas pessoas achem isso uma bobagem, mas saber o que acontece na economia e em outros setores relacionados a negócios é algo importantíssimo. O empreendedor deve buscar entender de gestão, tanto financeira quanto de pessoas, ele deve entender de marketing, de vendas e liderança.

Outra questão importante, é a busca por formações que consigam desenvolver o seu lado profissional mais humano, uma opção extraordinária para essa questão são as formações em Coaching.

Geralmente, a pessoa que se torna empreendedor por necessidade não consegue ter a visão de que o seu lado humano também conta ao administrar uma empresa.

Outras vezes, aquelas pessoas que empreendem por possuir um talento em algum setor, esquecem-se de aprimorar como gestores e líderes. Para essas pessoas, vale lembrar que “nem só de talento vive o homem”.


Atente-se aos riscos

Por mais que uma ideia pareça maravilhosa e extraordinária, o empreendedor deve estar atento a todos os riscos de uma nova estratégia ou ate mesmo em relação aos investimentos e ações.

Para isso, tanto o empreendedor por necessidade quanto o empreendedor por talento, devem analisar o ambiente, as perdas e os ganhos, saber gerenciar equipes a fim de evitar grandes problemas, e “colocar na mesa” o que pode dar certo ou não nessa nova etapa.


Seja comprometido com o seu negócio

Essa questão serve mais para o empreendedor por talento que para o empreendedor por necessidade. Geralmente, aquele que empreende por talento ou porque gosta de uma determinada área, leva o negócio como um hobbie e acaba deixando de lado o comprometimento que deveria ter com o negócio.

O empreendedor por necessidade, geralmente consegue levar um pouco mais a sério os negócios. Ele coloca a “mão na massa” junto com a equipe, procura entregar tudo no prazo, cobra para que tudo saia conforme o combinado e ainda consegue tirar a impressão de que o dono da empresa só trabalha quando quer.

Diante de tantas características fica claro que independente do motivo que a pessoa tenha para empreender (seja por talento ou necessidade), é preciso que ela possua algumas características básicas para conseguir levar o negócio à diante.

Não basta ter a vontade e a garra de querer montar um negócio, se o empreendedor não consegue lidar com pessoas, não consegue gerenciar e liderar. Da mesma forma, não é suficiente saber gerenciar, ou ter habilidade em vendas, ou em produzir bolos, por exemplo, se a pessoa não consegue ter disciplina com o seu próprio negócio, com as finanças, se não tem comprometimento com o seu cliente.

Para ter um negócio de sucesso, é preciso ser de fato um empreendedor, possuir caraterísticas de quem sabe o que quer e aonde quer chegar. É preciso determinação, foco e habilidade.




Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

(54) 3392-1031

(54) 3392-1103

 

Av. Otto Radtke, 1165, sala 03

Lagoa dos Três Cantos/RS

CEP 99495-000

  • White Facebook Icon
  • White YouTube Icon

© 2016 FUTURIZANDO - todos os direitos reservados.